SECRETARIA DE CULTURA

SUPERVISOR DO SETOR DE CULTURA: EUGÊNIO JOSÉ DOS SANTOS

ATUALIZAÇÃO DOS BENS INVENTARIADOS 2020


Atualização dos Bens Inventariados 2020 (Exercício 2020)


Conselho Deliberativo Municipal de Patrimônio Cultural de Coronel Xavier Chaves, aprovou nessa quinta-feira, dia 19 de novembro de 2020 a Listagem dos bens inventariados na Área Urbana (Área 01 – Seção A) que foram atualizados neste ano de 2020 (Exercício 2022).


01 – COMERCIAL – Rua Coronel Militão, 08


02 – RESIDÊNCIA – Largo Gonçalves Lara, 19


03 – RESIDÊNCIA –Praça Eduardo Chaves, 210


04 – RESIDÊNCIA –Rua Cônego Antônio Carlos, 32


05 – RESIDÊNCIA – Rua Coronel Militão, 49


06 – RESIDÊNCIA – Rua Padre Luiz André Gomes, 25


07 – RESIDIÊNCIA – Rua Dom Lara, 62 e 74


08 – RESIDIÊNCIA – Largo Gonçalves Lara, 35


09 – RESIDÊNCIA – Rua Coronel Militão, 91


10 – RESDIÊNCIA – Rua Dona Joana Mendonça, 182


11 – CENTRO DE SAÚDE GERALDO DE SOUZA – Rua Dona Joana Mendonça, S/N


Esta Listagem encontra-se também no mural da Prefeitura Municipal.


Bens Culturais



CADASTRAMENTO DA CULTURA

CHAMADA PÚBLICA LEI ALDIR BLANC

PRESTAÇÃO DE CONTAS LEI ALDIR BLANC

EVENTOS


II Seminário de Patrimônio Cultural Trilha dos Inconfidentes

No dia 17 de setembro de 2021, o município de Coronel Xavier Chaves foi palco para a realização do II Seminário de Patrimônio Cultural do Circuito Turístico Trilha dos Inconfidentes, cujo tema principal foi “Educação Patrimonial”

O Evento iniciou às 8 horas, contando com a participação de secretários, diretores, conselheiros dos municípios que compõem o Circuito Turístico Trilha dos Inconfidentes e consultorias de Patrimônio Cultural.

No período da manhã foram responsáveis pelos trabalhos:

• Ulisses Passareli: Circuito Turístico Trilha dos Inconfidentes, que explanou sobre “Experiência e oportunidades em difusão cultural e educação patrimonial”.
• Leda Bárbara Soares: Sustentare Consultoria, fez uma linda apresentação sobre: O lugar que eu vivo: Mobgrafia e Patrimônio Cultural – possibilidades e desafios do uso de celulares na educação patrimonial.
• Bruna Caldas, Rogério Stocker e Simone Batista: RM Cultural Consultoria, que encerraram a parte da manhã falando sobre “A Importância da educação patrimonial para a preservação dos bens protegidos no município.

No período da tarde os trabalhos foram coordenados por Luzinete Assis de Jesus e Breno Fonseca do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA-MG) que falaram sobre Difusão e educação para o Patrimônio Cultural, momento de esclarecimento de dúvidas e considerações finais.

Momentos de aprendizados, onde todos participantes puderam trocar informações e tirar dúvidas.

No encerramento tivemos a apresentação cultural com o Coral “Voz da Lua” de Coronel Xavier Chaves.

Secretaria Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer